sexta-feira, 4 de março de 2011

Ajustando-se a necessidade



Postagem curta somente para deixar registrada as mudanças nos meus treinos:

1) Ir para o trabalho de bicicleta todos os dias.

Duas semanas atrás eu fui furtado no ônibus e com ele foi-se embora meu cartão de vale-transporte. Desde então tenho ido pro trabalho de bicicleta para economizar a passagem. Sempre reclamo que quanto mais eu faço flow mais eu vejo o quanto minha resistência é ruim. Então nada melhor do que implementar um exercício aeróbico diário pra me ajudar. São duas viagens duplas de ida e volta; o que deve me render pouco mais de 1 hora de pedalada. É pouco, mas continuamente é muito.

2) Passar a usar essencialmente meu lado esquerdo.

Faz muito tempo que venho adiando a cura pro meu problema de só usar meu lado direito e agora chegou a hora. Desde os últimos treinos tenho me mantido em alerta pra sempre dar prioridade a exigir sempre mais do meu lado esquerdo. Pra você ter idéia, apesar de conseguir climbar com as duas pernas, eu não consigo subir nem um muro de 3 metros se for batendo com a esquerda na parede. Pra mudar isso estabeleci algumas metas a serem cumpridas até o nordestino:

- Fazer kong já caindo direto na passada aterrisando primeiramente com a perna esquerda.
- Subir muro de 3 metros com a perna esquerda batendo na parede.
- Melhorar o speed e a passadinha (aquele speed rápido colocando a perna de leve no corrimão) pros dois lados.
- Aprender a fazer tic-tac com a esquerda.
- Perder o vício de quando bater tic-tac com a direita puxar a mesma perna direita pro muro/precisão.
-Iniciar minhas passadas com a perna esquerda sem precisar contar passos e sem me atrapalhar.
- Fazer cat-leaps caindo primeiro com a perna esquerda no muro (e climbar eficientemente depois).
- Fazer precisões não paralelas virando meu corpo pro lado esquerdo sem desequilibrar.
- Cravar precisões correndo saindo do chão com a direita (minha única movimentação em que a esquerda é prioridade por causa da flexibilidade que tenho ao levantar a perna direita).
- Aumentar o nível de flexibilidade de minha perna esquerda pra que ela se equipare a direita.

No início eu vou cair um bocado e minha movimentação será toda zuada. Na verdade já estou com um calombo na lombar porque cai de costas num cat-leap chegando no muro com a esquerda. Tô reaprendendo a usar meu corpo aos pouquinhos e esse é um projeto que pretendo continuar manter por um bom tempo (afinal, eu me eduquei pra dar prioridade ao lado direito durante 25 anos).

Comparado ao que estou acostumado, espero que eu tenha muita paciência pra suportar uma movimentação feia, ineficiente e sem potência. Mas que assim seja.

Neste final de semana eu completo 5 anos de Parkour. Meu presente pra mim mesmo é esse: Um duddu iniciante.

4 comentários:

Escora disse...

Muito bom o post Duddu!
Realmente varias pessoas se adaptam a fazer os movimentos sempre para um lado só o que acaba sendo algo bom e ruim ao mesmo tempo.Pois e se numa hora de urgência precisar usar o outro lado do corpo?!...
Portanto é necessário manter o equilíbrio sempre em pratica.

Ícaro Iasbeck disse...

2) Passar a usar essencialmente meu lado esquerdo.

é, isso é chatinho! :x

Victor GBPK disse...

Parabéns são de inciativas que o mundo será mudado. Let's PK!

imforme disse...

galera vcs vcs vcs são de mais eu estava e estou louco pra ir pro 5 encontro nordestino mas não vai dar por causa da grana!
mas eu vou tentar com o pessoal de camaçari levar o proximo pra lá que é pro ir o meu primo é heberte e ele é o mais experiente de camaçari!!!!!valew bons treinos!!!!